A falta...

A madrugada chegou, 
a lua não apareceu,
as estrelas fugiram 
e você não veio. 

No olhar, o brilho apagou,
na boca, a sede dos seus beijos, 
na cama, um vazio enorme...
Ao lado, apenas o seu retrato.

Um suspirar profundo
anunciava a chegada da saudade,
os olhos fecharam
e as cenas felizes vieram...

Num súbito repente,
os olhos se abriram...
Pintei a lua no céu,
vesti as estrelas de festa, 
sorri encantada para sua foto
e lembrei-me que juntos estaremos, 
quando você vier me buscar! 


OlhosDe£in¢e