A noite...

Espreito pela minha janela
a noite escura me envolve
e penso que a esta hora
por essa Lisboa afora
quase todo o Mundo dorme...

Olho o céu, vejo as estrelas
cintilantes a brilhar
eu fico triste e sofrida
também um pouco perdida
recordando o teu olhar

Olhar lindo e penetrante
que em meu corpo se perdia
fez-me lembrar por um instante
como o amor era dantes
com a tua companhia

A lua está a espreitar
na esperança de te ver chegar
ela foi a companhia
desde a noite até ao dia
de ver a gente se amar...

Na vida tudo mudou
e Ela não reparou
que tu já não apareceste
temos que nos habituar
e não vale a pena esperar
porque tu nos esqueceste!

Fernanda Santos