A verdade que eu quero saber

Por pior que possa ser
a verdade eu quero saber.
Quero todos os detalhes.
Quem é ela, como você a conheceu
e se esse amor que ela te dedica 
consegue ser maior do que o meu.
Quero saber se ela é loira ou morena,
alta ou pequena,
se tem a pele alva ou bronzeada.
Se o beija como eu o beijava,
se o ama como eu o amava.
Conte logo tudo, sem rodeios;
caso não me conte,
encontrarei outros meios
e descobrirei tudo que desejo saber,
você vai ver.
Não é possível que ela o queira
tanto quanto eu o quis,
nem que você diga a ela
o que eu sei que por aí ainda diz.
Que fui a mulher da sua vida,
a mais amada e mais querida
e que se você pudesse escolher
era ao meu lado, eternamente,
que desejaria viver.

Silvana Duboc