A voz

Desdobra-se a noite
sobre o campo aberto,
o céu enfeita-se de estrelas e lua.
Silencia tudo o que fica perto ,
só ouço a voz cantante que é sua!
Soa-me mansa a voz que acalenta
o sono dos seus pequeninos...
Canta pra eles histórias que inventa
Foge o medo bem devagarinho...
No berço adormece o filho amado,
em seus braços a doce filhinha,
Saindo do quarto o faz com cuidado.
Cantarolando a sua modinha.
Volta-se então, para mim contente,
agasalha-se no meu coração,
meu peito abre-se de amor presente
e nos abraçamos com toda emoção!
É a voz de Maria, mãe de Jesus,
É a voz que me acalenta
nas horas de dificuldades...
Ei, escuta , não é linda?
Sente a paz e o conforto
pra tua alma cansada
a voz doce cheia de ternura ,
a voz do amor !

Que Maria sempre vele por ti ...