Abraços apertados

Dê abraços bem fortes e não os negue nunca...
Pode ser que, daqui a alguns anos,
os abraços que você sinta falta,
sejam aqueles que você não deu...
E pode ser também que sejam aqueles que você
mais gostaria de ter dado, mas o orgulho não te permitiu,
porque neles você teria confessado um amor imenso
que você sentiu e não ousou viver...
Por medo,
por covardia
ou pela incerteza de uma felicidade
que você só experimentaria,
se tivesse tentado.

Lu Sanches
29.01.2016