Algo que foi tão bom

Se nesse instante eu pudesse fazer acontecer...
se você surgisse diante de mim
sem que eu pudesse perceber...

Se eu conseguisse transformar
meu desejo em verdade
e o meu sonho virasse uma realidade...

Ah...mas que saudade,
que loucura, que vontade
dessa sombra, dessa imagem
que não me sai do pensamento.

Eu me perco, me desoriento,
eu espero pelo tempo,
eu às vezes tento fazê-lo correr
pra ver se assim consigo te esquecer.

Eu me entrego à solidão,
eu mergulho o meu coração
numa tristeza imensurável.
Eu sinto um vazio insuportável
e uma dor inesgotável.

Ah...eu tenho uma saudade insistente,
eu sinto meu coração doente
e não me envergonho de revelar
que ainda sofro por te amar.

Vergonha não faz parar de doer
por isso insisto em dizer
que sinto uma saudade ilimitada
que não pode ser controlada.

Se nesse instante você chegasse
e o seu coração ainda palpitasse
talvez nada eu falasse,
talvez eu só quisesse ouvir o som
de algo que um dia foi tão bom.