Alô, é você?

Está na hora de me apresentar: sou o namorado de sua mulher!
Não fique surpreso e nem pense que o que afirmo, com tanta convicção,
é um trote ou uma brincadeira, pois apesar de nunca ter tocado
a sua mulher, eu sou seu confidente e íntimo dela!
Sim, eu sou o homem que escuta as suas queixas, os seus lamentos e as suas frustrações... Sou eu quem manda mensagens e poemas para que
ela se sinta uma mulher mais alegre e feliz... E fique sabendo que sou um apaixonado pela sua mulher. Por isso, eu liguei para avisar você.
Sim, liguei para pedir que não a deixe sozinha quando ela mais precisa de você...
Pois não me agrada nada saber que ela chora por se sentir abandonada.
E olha que sua mulher é uma jovem mulher madura muito bonita!
Não, não fique preocupado, ela nunca te traiu!
Quer saber como tenho esta certeza?
Eu sei porque sou eu quem a acompanha madrugada afora conversando através do MSN, do ICQ e de tantos chats que existem para aproximar pessoas...
Homens e mulheres que buscam se encontrar... Para deixarem o passado e,
até mesmo o presente, de lado ou fora de suas vidas...
E fazem isso trocando emails, onde podem descobrir e constatar
o encontro de tantas afinidades e sentimentos comuns...
Sim, caro amigo, eu e ela gostamos de falar de coisas boas: de sentimento,
de amor, de fantasias e de contarmos histórias e piadas...
De sorrirmos e, às vezes, quando é preciso, chorarmos juntos...
Mas a minha intenção não é de sacaneá-lo nem de traí-lo, não.
Fique tranquilo... E fique certo disso... O meu objetivo é pedir a você que dê
mais atenção a esta mulher maravilhosa que eu descobri, logo no primeiro dia, que a amo... E que, supostamente, você também deve amar...
Sim, eu sei que você sempre chega tarde em casa.
E, que nos fins de semana, sempre inventa alguma coisa para fugir de seus compromissos e responsabilidades, como homem. Em casa e com a sua mulher.
Não, não estou acusando você de nada nem de coisa alguma...
Só estou preocupado com a felicidade daquela que fez e faz o meu e,
presumo, o seu coração, um dia, bater descompassado.
Ou será que o seu já parou de bater por ela e aquele fogo e
aquela chama ardente e intensa, acabou ?
Não, não fique preocupado, pois a sua mulher é, apenas, por enquanto, a minha namorada virtual! Sou apenas um amigo mais íntimo que ela pode ter
sem ter o risco de traí-lo, pois apenas dividimos o tempo,
que você não dedica a ela nem para ela.
O tempo que devia ser teu e dela, também, mas que você joga fora !
Sim, talvez eu possa entender você... E as suas razões para assim agir...
Mas, também, a entendo e como entendo ...
Pois somos almas gêmeas que se encontraram!
Portanto, meu amigo, se posso chamá-lo assim, não faça a mulher de meus sonhos chorar e se tornar uma mulher que perde o seu viço pela amargura,
pela tristeza e pela decepção...
Dedique a ela mais tempo...
Presentei-a com rosas amarelas, e escreva para ela alguma coisa bonita.
Pois eu sei e sinto que ela, com a sensibilidade que possui
e tanto amor que tem para dar, vai adorar...
E dedique um dia, um final de semana, um mês, somente para ela...
E para variar e mudar, um pouco, a sua rotina de vida, faça tudo que ela deseja. Você receberá dela muito mais do que jamais você poderá dar...
Sim, descubra, novamente, o homem romântico que deve ter existido você
algum dia e caminhe com ela de mão dadas na praia, num jardim...
Ou mesmo pelas ruas, pois o amor não deve ser escondido
e sim revelado para quem se ama.
Escute as piadas que ela gosta de contar...
Sim, ria um pouco delas, mesmo que elas não tenham tanta graça...
E descubra a menina que ainda está escondida em sua mulher...
Que ainda possui muito para você descobrir...
Pois ela ainda tem muito para revelar...
Olhe nos olhos dela e diga que a quer, que a deseja e que a ama...
Hoje mais do que ontem e amanhã, certamente, mais do que hoje...
Sim, são pequenas coisas que você dirá e fará...
Mas que farão uma enorme diferença...
Pois ela perceberá que você ainda a ama e não está em sua companhia
apenas por hábito, pelos filhos ou por um simples comodismo...
E você deve saber como são as mulheres: qualquer pequena coisinha que
fazemos ou transmitimos, para elas, significa muito e passa a ser importante ...
Sim, caro amigo, trate-a com amor e respeito pois ela merece isso e muito mais.
E se você agir assim, talvez eu aceite perdê-la para você...
Triste por não poder tê-la junto a mim, ao vivo e a cores, e de forma real...
Mas feliz por vê-la melhor amada e realizada, mais do que está hoje...
Sim, acredite em mim: eu ficarei feliz por saber que a mulher que amo está realizada e é feliz, mesmo com um homem como você...
Mas, me acredite, que eu ainda não desisti de tê-la e de amá-la, pois não tenho certeza se você a ama como eu a amo, se ainda a deseja e quer como eu quero...
E se a considera importante em sua vida como eu a considero!
Portanto, fique vivo e alerta...
Eu estou de olho em você!

Roberto R. Maia