Amor...

O amor, talvez , é como o sol
nas trevas de alguém.
O amor é dar abrigo
se a tempestade vem.
E quando tudo é escuro
e a vida é solidão
O amor é que ilumina o coração.
O amor talvez, é a janela
que a luz do sol nos traz
Nos convida a olhar por ela
e mostra muito mais
E mesmo a quem não queira ver
o sol com sua luz
O amor suavemente ao sol conduz.
O amor quem sabe é como a flor,
Talvez um mal-me-quer
Para qualquer um é gozo, é dor,
É um jeito de querer.
Tem gente que até mesmo
diz que amou e é infeliz
E existe até quem se cansou
e nunca mais tentou.
O amor talvez se faça
de conflitos,
de paixões.
Ou das cinzas que eram palhas,
resquícios, ilusões.
Mas se eu viver mil anos e,
então, recomeçar,
Lutando pelo amor,
você vai me encontrar...