Antes não tivesse sido assim

Antes tivesse sido o vento a me despentear
as ondas do mar a me embalar
as flores, com seu perfume, a me embriagar...
Antes tivesse sido o tempo
e o seu movimento
suavemente por mim a passar
o sol a me bronzear
o banho da lua a me encharcar...
Antes tivesse sido o sorriso
de uma criança a me encantar...
Antes eu tivesse aprisionado
o amor somente nas palavras
em frases poeticamente confeccionadas...
Antes eu não tivesse conhecido você
e tudo que o amor teria a me dizer...
Antes eu não pudesse entender
que meu coração é capaz
de amar demais
envolto num silêncio desmedido
travestido de amigo...
Antes não tivesse sido desse jeito...
Bastava-me ter no peito
gotas de inspiração
e eu escreveria poemas de amor com perfeição
bastava-me viver de ilusão...
Antes eu não tivesse
me encontrado com a realidade
e fosse obrigada a satisfazer suas vontades...
Antes a vida não tivesse me dado você
desse modo imperfeito que deu...
Antes você e eu
nunca tivéssemos nos esbarrado
porque hoje dentro um do outro
não estaríamos aprisionados.

Silvana Duboc