Consequências

Quando dele me afastei,
sequer pensei
que doeria tanto.
Mas fui vivendo,
escondendo meu pranto,
disfarçando que era feliz
e tanto isso eu fiz
que abri chagas em meu coração
de um jeito que hoje
ele não tem mais recuperação.
Eu não soube ou não quis
minha dor exteriorizar
e hoje entendo que em nada
isso pôde me ajudar
porque dores precisam ser gritadas
lágrimas derramadas
socorro deve ser pedido
lutos devem ser vividos.
Mantive nosso segredo
além do que eu poderia
e sei que ele manteve também
muito mais do que deveria.
Não entregamos a ninguém
nem nossas tristezas
nem nossas alegrias.
Hoje entendo que isso foi covardia
porque muita gente apreciaria
conhecer a nossa história.
Nem melhor nem pior que qualquer uma
apenas a mais bonita que Deus criou
e a mais triste que alguém já escutou.

Silvana Duboc