Estou cansada

Estou cansada desse seu jeito envolvente,
das suas palavras inteligentes,
dessa maneira urgente
que você tem de se aproximar.
Estou cansada desse seu vício de querer encantar
todas em qualquer hora e lugar.
Estou cansada do seu personagem patético
que faz de conta que é eclético.
Estou cansada dessa sua conversa fiada
que nunca dá em nada.
Estou cansada dessa sua mania de conquistar
de um jeito que só faz machucar.
Estou cansada desse seu gosto adocicado
misturado a um sabor azedado.
Estou cansada de tanta delicadeza
e ao mesmo tempo tanta frieza.
Estou cansada da sua lucidez
sem nenhuma sensatez.
Estou cansada das suas demonstrações de carinho
que se multiplicam em desalinho.
Estou cansada de ser elogiada
de forma ensaiada e falsificada.
Estou cansada de ser mais uma na multidão
enquanto você faz questão
de fingir que sou única e especial.
Estou cansada do principal,
desse seu jeito nada original.
Estou cansada do tempo que perco contigo
e mais ainda do perigo
que representa conviver com a sua psicologia
tão óbvia e tão fria.
Estou cansada da sua aparência
e da sua insistente incoerência.
Estou cansada de ser usada
juntamente com outras mulheres,
cansada de ser utilizada como talheres.
Estou cansada do seu sorriso dissimulado
como se de nada fosse culpado.
Estou cansada de acreditar
e no fim sempre me ferrar.
Estou cansada de me dar oportunidades
quando todos são personagens,
nenhum é de verdade.

Silvana Duboc