Quem sabe?

Coragem é a palavra-chave "se" e "quando" você receber
um “quem sabe” como resposta, ao tentar definir
o futuro de seu relacionamento.
Respire fundo e diga: - Eu sei.... foi um prazer! Até qualquer dia...
Vai doer? Claro que vai!
Amor não correspondido dói demais... você deu o melhor de si e não recebeu nada em troca. É como a borboleta que voa em torno da luz, encantada por seu brilho, e acaba de asas queimadas, sem entender o porquê de ter sido mutilada pelo foco do seu encanto.
Mas... não há nada que dure para sempre...
Portanto, pense que:
foi bom enquanto durou, enquanto os dois estavam tendo, juntos, bons momentos... quando um dos dois passa a sentir que o relacionamento virou rotina, obrigação, não tem mais o que fazer.
Muito menos dizer: quem sabe!
Vire a página, siga em frente e tenha em mente que:
Antes só e bem resolvida do que “quem sabe” o que poderia
se tornar sua vida com quem não sabe o que quer...

Lu Sanches