Saudades

O dia amanhece... eu acordo sem você
A tarde chega... eu continuo sem você
Anoitece... eu sem você
A madrugada chega... onde está você?
Sinto falta da tua presença virtual
Sinto falta da tua presença real
Sinto falta de você
A solidão me cerca
Me afasta dos que me cercam
Eu me encolho... me recolho
E no silêncio do meu canto,
Eu me encanto.... sentindo você!
Te vejo ao meu lado..... sonho sonhado
Ouço tua voz... falando de nós
Escuto teu riso... alegre e preciso
Percebo teu cheiro
gostoso... maneiro
Sinto teu calor acalentando minha dor
Meus braços se estendem
toco o vazio
Meu corpo estremece
Mas minha alma se aquece
Pois sei que mesmo ausente
Assim tão distante
Estás sempre presente
Em todos os instantes
E esta saudade virtual,
Esta saudade real me faz companhia
Preenche meu dia
Me ajuda a esperar
A hora de poder te encontrar
Somos dois corpos distantes
Que a vida mantém afastados
Mas nos tornamos amantes
Graças aos sonhos sonhados
Quis o irônico destino
Proibir que nos tocássemos
Mas mesmo assim não pôde
Impedir que nos amássemos
Irônico destino
Mantém nossos corpos distantes
Lindo sonho sonhado
Nos transformou em amantes

Feeling