Sei que voltarás

Podes partir, meu amor.
Te deixo livre.
Sei que voltarás,
quando no mundo cansares de vagar.
Andarás por caminhos longínquos
em busca de outros amores.
Mas, nos braços de outra,
sentirás o aconchego dos meus braços,
a ternura dos meus abraços.
Quando outra boca beijares,
sentirás dos meus beijos, o sabor.
Porque só eu te beijo com amor.
Quando outro corpo afagares,
sentirás a chama ardente do meu corpo.
Sentirás a carícia do toque suave das minhas mãos.
De corpo, estarás entregue à outra,
mas teu pensamento estará em mim.
Tua alma estará entregue à minha.
Porque almas gêmeas não se separam.
Quando em outro corpo te extasiares de prazer,
desejarás o meu corpo,
que te extasia de amor.
Então de mim sentirás imensa saudade.
Verás que sou o teu amor.
Que sou quem mais te amou.
Sentirás um infindo vazio.
Então, retornarás para comigo viver,
o pleno, verdadeiro e infinito amor.

Marilda Conceição