Tarde demais

Não! Não chore agora.
Jogaste fora todo o amor que te dei.
Não lamente, vá embora
Esqueça que algum dia te amei.

Não soubeste meu sentimento valorizar.
Usaste da mais sórdida hipocrisia!
Fingias me amar.
E eu cega não percebia.

Mataste em mim ilusões.
Roubaste meus sonhos.
Feriste meu coração.
Sufocaste em mim emoções.

Agora volta dizendo me amar.
Como se fosse fácil as mágoas apagar.
Não! Por favor vá embora.
Aqui não é mais teu lugar.

A ferida que deixaste
curei com esquecimento.
Só soubeste me magoar.
Agora é tarde, lamento.

O amor que se foi
prá nós não voltará jamais.
Vá embora!
Porque agora é tarde,
tarde demais!

Marilda Conceição